“As seguradoras poderão através dessa “lista negra” recusar o seguro ou não indenizar o segurado em determinadas circunstancias, como nos casos de embriagues, além de poder aumentar o valor do seguro para os segurados que possuírem seus nomes nessa lista, ou simplesmente, negar o risco”, destacou o sócio e corretor da Cia do Seguro, Délio Reis.

Para finalizar, ele ressaltou algum interessante. “Precisamos lembrar que no Brasil já existem leis boas e rígidas, mas falta fiscalização e principalmente punição quando cometido esse tipo de irregularidade. Esperamos que esse projeto seja aprovado, pois percebo que essa lista já é uma das formas de punição”, concluiu.

O projeto está para ser sancionando pelo Governador, Geraldo Alckmin (PSDB), e se der tudo certo, deverá chegar as outras capitais brasileiras em breve.

10/06/2013 / Fonte: CQCS | Irani Nogueira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *