Seguro de Residência: Dê valor ao seu seguro.

"b2ap3_thumbnail_Casa-e-dinheiro.jpg"A sua residência vale quanto? Certamente, se você for o proprietário, o primeiro valor que você pensou é o de venda. Se você for o inquilino, deve ter pensado nos seus bens internos como geladeira, fogão, televisores (hoje em dia é no plural mesmo), equipamentos de som, eletrodomésticos em geral, móveis, enfeites, roupas, tapetes, quadros, lustres, etc, etc e etc… Quando você vende sua residência estes ítens são insignificantes, mas quando os compra, são frutos do seu árduo trabalho, para repor você terá alguma dificuldade, naturalmente.

Você já pensou se um incêndio destruir a sua residência, você saberia qual o valor total do seu prejuízo?

Simplificando o Seguro Aluguel

"b2ap3_thumbnail_Aperto-de-mo.jpg"Diariamente recebemos diversos pedidos de informações a respeito de como funciona o Seguro Fiança Locatícia ou Seguro Aluguel.

Sempre respondemos o óbvio: O Seguro Fiança Locatícia substitui o fiador no contrato de locação. Basicamente é isso, mas outras dúvidas sempre persistem, por isso vamos tentar simplificar o Seguro Fiança Locatícia ao máximo:

CRISE: MANTENHA O QUE TEM!

"Bolso

O País, como é público e notório, está em crise: Inflação voltando, juros subindo, produção industrial caindo, desemprego aumentando, carga tributária nas alturas, enfim, as notícias não nada agradáveis. O que fazer quando a economia não vai bem? Aonde investir? Como conservar seu patrimônio?

Estas e outras questões são comuns em tempos como esses. Quem já passou por outras crises semelhantes sabe como é viver na incerteza do dia de amanhã.  Há, muitas vezes, um sentimento de pânico, uma histeria coletiva apontando para o fim dos tempos. Ninguém sabe o que fazer e se agarra nas coisas que tem, sem investir, sem arriscar, sem mudar a atitude. 

Em tempos de crise o medo de perder é maior que a vontade de ganhar.

Segurado deve ficar atento a cláusula de exclusão de apólice

Ao contratar um seguro, é preciso estar atento não apenas às coberturas contratadas, mas também às chamadas cláusulas de exclusão. São tópicos que se referem a situações e procedimentos adotados pelo consumidor que podem levar ao não pagamento do benefício.

"Atenção"

No seguro de vida, por exemplo, as mais comuns são a omissão de doenças preexistentes e o suicídio nos dois primeiros anos de contrato.

Veja ranking dos 10 carros mais vendidos no Brasil em setembro.

Alta na venda de automóveis foi de 5,9% no último mês; ao todo, 293.961 unidades foram comercializadas no País

A alta na venda de veículos em setembro foi de 5,9%, anunciou nesta quarta-feira, 2, a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Foram, ao todo, 293.961 unidades comercializadas no Brasil.

Embora o modelo mais vendido seja da Volkswagen, a montadora que mais comercializou foi a Fiat, com 63.207 unidades (21,99% no mercado).

A montadora Volks vem na sequência, com 55.940 carros (19,03% de participação), General Motors, com 50.683 unidades (17,24%) e Ford, com 28.437 (9,67%).