Motorista alcoolizado que se envolve em sinistro não tem direito ao seguro do veículo

"CarrinhoA 4ª Turma Cível do TJDFT negou, em grau de recurso, ação de um motorista contra a Seguradora Alfa Seguradora S/A, na qual pedia a condenação da empresa a lhe pagar a indenização do seguro contratado. De acordo com a decisão do colegiado, “o nexo de causalidade entre o estado de embriaguez do condutor/segurado e o acidente automobilístico faz legítima a recusa da seguradora em responder pela indenização securitária”.

O segurado afirmou que solicitou o pagamento do seguro na via administrativa, no entanto teve o pedido negado pela seguradora, que invocou o motivo da embriaguez como causa do agravamento do sinistro. Depois disso, o autor ajuizou ação de cobrança defendendo que o acidente não decorreu do seu estado etílico e sim da irregularidade da pista. Alegou ter direito à indenização nos termos da apólice contratada. Requereu o montante de R$ 70.756,00, dos quais R$ 58.756,00 relativos aos danos ao seu automóvel; R$ 2.000,00 pelos danos causados a veículo de terceiro; e R$ 5.000,00 por cada um dos dois óbitos decorrentes do sinistro.

Susep fecha associação que vendia Seguro Pirata em Minas

Em mais uma importante ação contra a venda de seguros piratas no Brasil, a Superintendência de Seguros Privados (Susep) obteve liminar, junto à Justiça Federal de Minas Gerais, impedindo que a Associação de Proteção a Veículos Automores (Pró-Veículos) de continuar comercializando, de forma ilegal, seguros automotivos. A ação se estende aos dirigentes da associação."Dura

Caso a Pró-Veículos não acate a decisão judicial, pagará multa no valor de R$ 10 mil para cada evento acionado. Estes valores deverão ser recolhidos pelo Fundo de Defesa de Direitos Difusos (FDD). A decisão colocou em indisponibilidade todos os bens, incluindo valores depositados em instituições financeiras, da associação e de seu presidente, a fim de garantir as obrigações dos réus ao final do processo.

10 cuidados na hora de alugar um imóvel

Para esclarecer algumas incertezas na locação de um imóvel, o diretor de Locações da Guarida Imóveis, Regis Scalari, dá algumas orientações. Ao escolher o imóvel que se que quer alugar, alguns passos são essenciais.

O primeiro deles, segundo Scalari, é compreender a diferença entre fiança, seguro-fiança e caução. “A Lei do Inquilinato está em vigor para proteger tanto o locador quanto o locatário. Porém, as pessoas podem apostar no diálogo para resolver pequenos problemas. Estar ciente de como funciona um aluguel também auxilia as pessoas no processo”, diz."casa"

Veja, abaixo, 10 orientações do especialista na hora de alugar um imóvel:

A VOLTA DO SEGURO GARANTIA ADUANEIRO – ADMISSÃO E EXPORTAÇÃO TEMPORÁRIA

A Secretaria da Receita Federal do Brasil publicou, no Diário Oficial da União de 23 de maio, a Instrução Normativa RFB 1.361/13, que dispõe sobre os regimes aduaneiros especiais de Admissão e de Exportação Temporárias. A nova norma regula também a Admissão Temporária para Aperfeiçoamento Ativo, a Exportação Temporária para Aperfeiçoamento Passivo e consolidam, em um único ato, disposições sobre esses regimes aduaneiros anteriormente constantes em 40 Instruções Normativas.

Dicas de Direção Defensiva (neblina)

Quando o inverno começa, todo motorista experiente já sabe que a neblina vem por aí…sabe por quê?

Por uma simples razão: é nessa época do ano em qeu as águas evaporadas não resstem ao frio e se transformam em nuvens.

"colisão

Tá pensando em pegar a estrada nos próximos dias?

A gente separou algumas dicas para você dirigir em segurança, afinal de contas, a neblina diminui a visibilidade e pode causar acidentes.

 

Anota aí: